1ª caminhada de mãos dadas pela Inclusão

1ª caminhada de mãos dadas pela Inclusão
Foto Principal

Um evento que tem como principal objetivo a inclusão social e a reflexão sobre o importante trabalho realizado com crianças, jovens e adultos com necessidades especiais. Esta é a proposta da 1ª caminhada de mãos dadas pela Inclusão, que será realizada no dia 13 de dezembro, sábado, ás 8h:30 em Campinas. Com organização da consultora de moda, e apresentadora do programa AV Metanóia da Rede Família Andrea Vita, do Estúdio Daniela Sarmento de pilates, a Daniela Sarmento, do blog Somos Especiais, E LEH Divinas Divas, a Caminhada terá saída da Rua Diogo Prado, 298, no Cambuí.
Quem estiver interessado em participar da caminhada, é importante que faça sua inscrição no Estúdio Daniela Sarmento, localizado na rua Diogo Prado, 298, no Cambuí, em Campinas. O valor de R$ 25,00 da inscrição dá direito a uma camiseta do evento e toda a verba será doada à ADACAMP, Associação para o Desenvolvimento dos Autistas em Campinas, que está precisando de toalhas de banho. Inclusive, a organização do evento pede para quem não puder participar, mas queira contribuir com a ADACAMP, que possa doas toalhas de banho lisa e no tamanho adulto.

CARTA AO MEU FILHO DEFICIENTE - dia internacional da pessoa c/ deficiência

CARTA AO MEU FILHO DEFICIENTE - dia internacional da pessoa c/
deficiência
 

foto (1)

Filho, eu quero que o seu mundo seja colorido e alegre

na companhia de palhaços

que nos mostram o lado engraçado das coisas

 

você está com nariz igual o deles

viaja para o mundo do faz-de-conta

lá tudo é acessível

as pessoas te valorizam

as cidades tem rampas e elevadores

os direitos de educação e saúde são atendidos

o primeiro mundo que ainda não chegou aqui.

 

Palhaços fazem a gente esquecer dos problemas

movimento meus músculos da face, libero serotonina

quem me dera que fosse sempre assim

 

no dia da pessoa com deficiência a gente pede mais EFICIÊNCIA

eu não queria ter que gritar e brigar para q vc pudesse ir para a escola

nós não precisávamos implorar ao governo para dar remédio e fraldas para quem não tem condições  Tudo custa, e custa caro!

nós não teríamos que comprar cadeiras de roda, elas poderiam facilmente ser doadas, e com qualidade, e com agilidade, melhor marca e modelo

ai como eu queria.....sonho sonho meu

 

nós vamos fazendo trabalho de formiguinha

conscientizando as pessoas que  " SER DEFICIENTE É NORMAL "

gosto quando chegam perto e perguntam

sorrio igual os palhaços!

gosto quande vêem em você um adolescente como outro qualquer

vc entende do seu jeito, mas entende

vc é o maior exemplo de ser humano que tenho por perto

 

aiii isso a gente pode comemorar

deficientes são os mais eficientes!

temos pelo menos um motivo

para sorrir,

igual palhaço.

 

da mamãe Fernanda

Batendo palmas

Batendo palmas
fotoEu fiquei em dúvida de qual foto postar no dia de hj. E batendo palmas foi a que melhor nos definiu.

A gente encosta as palmas das maos e faz barulho qdo está feliz! Comemora!


Tenho motivos para faZer este movimento. Palmas pq em 2014


conhecemos as corridas de rua. Nos aventuramos pelos asfaltos e estradas de terra, conhecemos gente como a gente e formamos " um pelotão de amigos " especiais". Deficiências aparentes ou não, histórias q se cruzam, pernas q ganham velocidade !


Fazer a diferença exige coragem, sair de casa ou da caixa necessita  de um empurraoZinho. Vai lá se esforça e sai!


Uma vez feito vc não volta atrás.


Corre e olha para a frente. O esporte satisfaZ, acalma, revigora e emagrece! Vc vai ficar aí parado? L E V A N T A!


Vem com a gente! Queremos te conhecer, saber da sua história! Sai da caixa e vem pra rua!


O Danilo ganhou um amigo hj, o Alexandro, que correu com o papai Adalberto pela primeira vez. Surpresa perfeita! A mamãe tirou várias fotos da dupla!


Meu coração está em festa.


nós batemos palmas e o pelotão se prepara p a ultima corrida do ano. semana q. vem!


2014 vai deixar saudade.


Sigam nosso novo IG @correndocomamor . Fer Terribile, Dan e Drica Siqueira.

Compartilhem, Divulguem - Falta de acessibilidade Caravela Campinas

Compartilhem, Divulguem - Falta de acessibilidade Caravela Campinas

caravela


Eu faço meus treinos na Lagoa do Taquaral, um parque público de Campinas. Além da natureza perfeita, o local conta com uma réplica da Caravela Anunciação, a que Pedro Alvares Cabral chegou ao Brasil, no ano de 1500


Desde 2008 a Caravela estava fechada. Sua restauração teve início em 2013. Em setembro deste ano foi reinaugurada, depois de uma reforma que custou 1 milhão de reais para a Prefeitura Municipal.


Eu e Danilo corríamos e olhávamos os homens trabalhando, mexendo nas madeiras, pintando, carregando os materiais. Acompanhamos a minuciosa e demorada restauração. Chegando próximo da embarcação somos obrigados a diminuir o ritmo porque passam os trilhos do bonde que circula pelo parque. Reduzia a velocidade e ficava olhando para a Anunciação, que aos pouocs ganhava novas vida e sua cor original, um tom de vinho forte e alegre.


No dia da inauguração fazíamos a Corrida Integração e de longe pudemos ver a festa. Dias depois fizemos a primeira visita. Para surpresa, não pude subir com o Danilo porque não foi instalado o elevador para pessoas com deficiência. Acessibilidade não é prioridade em nossa cidade. A revolta foi tanta que peguei meu celular e fiz o vídeo que vocês conferem abaixo.



Eu postei o vídeo na página do somosespeciais do facebbok. Em 1 semana mais de 75 mil pessoas curtiram, compartilharam e visualizaram a filmagem. Uma pessoa da TV Bandeirantes viu o vídeo e nos chamou para fazer a reportagem que vocês conferem abaixo.



A repórter Eliete Zanotti procurou a Prefeitura Municipal  e a mesma se comprometeu a colocar o elevador. Estamos no aguardo! Se nada acontecer fazemos outro vídeo.


A acessibilidade precisa ser prioridade, todos tem que pensar nas necessidades das pessoas com deficiência. Lazer é para todos!

Ser mãe de uma criança especial

Ser mãe de uma criança especial
foto (4)

É driblar a vida

Concentrar no lado positivo

Aproximar-se do que te faz feliz

 

É aprender novas formas de amar

o “ eu te amo” que eu nunca escutei vem do seu sorriso

O “ andar” que eu nunca vi  vêm dos seus vôos invisíveis

O “ comer” que te tiraram vem dos gostos que temos provado

 

É não se importar com opiniões alheias

Porque da nossa convivência só nós dois sabemos

Vida exposta, vida compartilhada e curtida ,

Porque virou inspiração e missão

 

É equilibrar-se

Encontrar domínio próprio

Sensibilidade, escuto o coração, preciso de silêncio

Em meio às gritarias do dia-a-dia

Preciso do meu caninho onde eu me encontro

E escrevo

É conhecer pessoas especiais como você

Porque só quando a gente se vê cadeirante

Para procurar nossa turma

Outros mundo, outros valores, outras necessidades

Mães que se doam muito mais que eu

Mães que vão em busca dos seus direitos

Mães que são mães e pais

Que deixam a sua vida pela do filho

Que largam tudo, que esquecem de si mesmas

Simplesmente MÃES

 

É ver no segundo filho uma extensão da sua força, Dan

Ohh genética que me trouxe gente que não se entrega

Sofre calada, mas aguenta

Joga o jogo da vida, maturidade desde sempre

Linda, por dentro e por fora,

Uma boneca de olhos azuis

 

É exercer a GRATIDÃO

Porque vejo tanta crueldade e maldade

Tantos jovens se entregando para as drgas,

Vida fácil e perversa

E você é preservado

E vive, e vive

A gente aproveita o tempo ao máximo

Corre desesperadamente

 

Digo MUITO OBRIGADA

Por minha experiência de vida

Só minha, tão sua, tão nossa

Driblando, sempre.