Prazer, eu sou o Danilo!

Falando da deficiência do meu filho.

amemmmm lindolindo

Eu tinha 34 semanas de vida quando a bolsa uterina da mamãe se rompeu. Nasci de parto normal com fórceps. Pesei 2.400 kg e 47 cm.

Tive ápgar bom , chorei quando cheguei a este mundo! Por ser prematuro, fui para a incubadora, num lugar chamado UTI.

Não conseguia sugar o leite no seio da mamãe e uma fono nos auxiliava. Mamava pouco, dormia muito.Com 3 dias estava em casa.

Continuei com dificuldade para mamar e evacuar. Dormia o tempo todo.Comecei a ficar muito amarelo. Voltei lá para a UTI. Os médicos diagnosticaram-me com icterícia.

Vou explicar para vcs o que é :

” Icterícia é uma condição onde os recém nascidos ficam com a pele amarela, devido ao excesso de bilirrubina no sangue. A bilirrubina é um pigmento normal, gerado pelo metabolismo das células sanguíneas. A criança fica ictérica quando a formação de bilirrubina é maior que a capacidade do fígado de metaboliza-la.”

A icterícia aparece no 2 ou 3o. dia de vida. Começa pela cabeça e atinge o corpo todo.Quando é grave ( que foi o meu caso ) ela penetra no cérebro. Ocasiona danos irreversíveis. Os médicos chamam este quadro de KERNICTERUS.

Fiquei 40 dias internado. Fui salvo por um milagre! A neurologista me acompanhava diariamente e falava para os meus pais que eu teria sequelas. Foi sofrido demais !

Viver é a palavra que mais amo! Tenho vida porque quero vida.

Fiquei com deficiência  mental e dificuldades motoras severas, não enxergo nem escuto 100%.

Sou forte, a vida me fez assim!

Gosto de natureza, de caminhar e correr com a mamãe, de ir para a escola, de estar com a família

Sou grato aos terapeutas que me atendem e à todos que cuidam de mim.Dependo deles para tudo!

Pessoas com deficiência vem a este mundo para torna-lo mais humano. Nosso combustível é o amor, a tolerância, a paciência. O que mais precisamos para viver de verdade ?

Danilo, Dandan, anjo meu, filho forte e amado, guerreiro desde sempre!

Sobre a Autora

Fernanda Terribile é jornalista formada pela PUC Campinas, casada e mãe da Isadora e do Danilo, que tem paralisia cerebral severa. Criou o blog em 2012 para encontrar outras famílias que tenham filhos com deficiência e incentivar a prática do esporte. Participa de corridas de rua com seu filho cadeirante. Conheça!
6 Responses
  1. joana darthe n s silva

    Linda historia de força e superação, amo ver as publicações de sua mãe com vc Dandan…Eu tenho um filho especial prematuro de 24 semanas ele é o meu amor maior.

  2. Catia Nascimento

    Como é lindo saber da sua história de vida e acompanhá-la, Danilo, você é um guerreiro nato e um exemplo de vida para muitos, eu tenho um filho que chama-se Pedro Vinícius, ele tem síndrome de lowe e é o amor da minha vida, meu casulinha, o xodozinho da família, é muito genioso, porém muito carinhoso em vários momentos. Pedro Vinícius tem dois irmãos ais velhos que o enchem de carinho, o pai, é na realidade um paizão que ele adora!!!
    Bom, Dandam, parabéns pela sua garra e pela família maravilhosa que DEUS te deu!!!!!!!!!! Beijos e uma ótima semana!!!!!

  3. juliana

    Parabéns DanDan,vc é um guerreiro assim como meu filho,parabéns a sua mamãe,que também é uma guerreira,eu tenho certeza q o mundo,a vida dela passou a ser mais feliz depois q vc chegou, assim com o meu ficou repleto de vida qnd o meu Guilherme veio ao mundo,ele me ensinou oq é um Amor verdadeiro, um amor q pelo qual somos capazes de tudo,sou muito grata ao SENHOR,q me deu um anjinho para cuidar,e q de uma certa forma tbm cuida de mim…Ele me ensinou a ser uma pessoa melhor…PARABÉNS GUERREIROS,VC E SUA MÃE SÃO MEUS EXEMPLOS DE SUPERAÇÃO! Beijos e q DEUS OS ABENÇOE SEMPRE!

  4. Carla Bravo

    Me emociono todos os dias com sua história, Dandan! Você é muito rapazinho muito forte. E ainda bem que tem a ajuda dos seus pais e da sua irmã mais que linda, a Isadora. A sua família é uma benção, assim como suas vidas. Deus continue sempre no caminho de vocês. Um beijo, tia Carla

  5. Karis

    Prazer Danilo! Um vitorioso desde sempre! É um prazer te conhecer e compartilhar da sua vivência. Um beijo grande a VC e sua família, que são tão guerreiros quanto VC.

Dúvidas e Comentários